Muitas vezes pensamos que para continuar o caminhar é preciso só seguir em frente, mas nem sempre nos damos conta que às vezes é preciso parar, tomar um fôlego (ou até mesmo descansar por um tempo maior) para depois prosseguir.

O mundo moderno tende a nos colocar num ritmo tão acelerado que podemos acreditar que viver a mil por hora é a chave para alcançar o que desejamos. Mas nem sempre precisa ser assim.

Desacelerar também é importante no caminhar. Até mesmo para que possamos repensar os passos que estamos dando e o caminho escolhido para percorrer.

É tempo de não perder tempo.

É tempo de priorizar e buscar mais alegria em nossos dias.

É tempo de alternar as corridas diárias com leves caminhadas ou até mesmo com um repousar.

É tempo de se ouvir mais.

Resolvi escrever um texto bem curto, depois de um longo tempo sem publicar neste blog sobre o viver. Você, querido leitor ou querida leitora, sinta-se à vontade para interagir comigo, sugerindo temas e fazendo questionamentos.

Grande abraço!

Grazielle dos Santos Barbosa de Jesus Psicóloga- CRP 05/46825 E-mail: psi.graziellejesus@gmail.com