Você costuma conversar com seu filho?

Trarei, hoje, um texto curto, mas que julgo ser de significativa importância.

 Falarei sobre o diálogo entre pais e filhos.

Você pode pensar assim “qual pai ou mãe não conversa com seu filho?”; porém, infelizmente, venho encontrando cada vez mais relatos de pessoas com casos de pais e mães que não tem tempo de conversar com os filhos. E as “desculpas” são infinitas…

E os filhos sentem. Bastante!

Nos textos anteriores, falei sobre o conectar-se ao que realmente importa e levanto o questionamento:

 Você conversa com seu filho?

 Pergunta como foi seu dia?

 Questiona como está se sentindo ou

qual a razão de estar demonstrando raiva, tristeza, medo, alegria etc?

Se você não tem feito isso, digo que nunca é tarde para (re)começar.

E trago uma sugestão. Proponho isso quando trabalho com crianças em meu consultório. Tem até um texto sobre a brincadeira na psicoterapia infantil em meu blog. https://sobreviver.blog/2017/07/24/a-brincadeira-na-psicoterapia-com-criancas/

Abaixo, deixarei algumas sugestões de atividades para você fazer com teu filho.

Você pode recortar as carinhas com seu filho e

  1. perguntar se ele sabe quais são os sentimentos que estão nelas
  2. pedir para que ele imite esses sentimentos (e você pode fazê-lo junto com ele)
  3. perguntar ao final do dia como seu filho se sentiu ao longo do mesmo (dou como sugestão ainda deixar as carinhas em local de fácil acesso e pedir para que seu filho deixe preso na geladeira o sentimento que mais representou seu dia)
  4. inventar uma brincadeira com as carinhas (como o jogo da memória, por exemplo)
  5. Tirar fotos do seu filho fazendo as carinhas dos sentimentos (perguntando, como é a sua cara quando você está com medo…) e fazer o proposto no item 3 com as próprias fotos dele

Elas servirão de um gatilho para te lembrar da importância da comunicação com seu filho, seja ele pequenino ou não.

Faça o teste (e pode mandar e-mail para mim dizendo se foi bom ou se encontrou alguma dificuldade nesse processo. Ficarei feliz em receber teu retorno).

Coloco-me à disposição para tirar quaisquer dúvidas sobre essa temática.

Grande abraço,

24177112_528836404149515_3587343474516238194_n

Grazielle dos Santos Barbosa de Jesus

Psicóloga Cognitivo Comportamental – CRP 05/46825
Blog: http://sobreviver.blog

Facebook  @pensandosobreviver

Instagram: @psicologa.graziellejesus / @sobreoviver

Email: psi.graziellejesus@gmail.com

Orientação de Pais

soviver Visualizar tudo →

Lidia de Jesus (Arteterapeuta) e Grazielle Jesus (Psicóloga). Empenhadas em falar (e ouvir) sobre o VIVER e contribuir para a construção de novas ações que possibilitem melhorias na qualidade de vida das pessoas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: