Você já teve a impressão de estar bem e, de repente, um pensamento ruim começar e “estragar tudo”?
Observe a imagem abaixo.

O que vê?
São várias laranjas. Mas o que chama a atenção é o fato de algumas estarem “estragadas”, impróprias para o uso.
Além disso, as que estão impróprias para o uso vão contaminando as outras que ainda servem para o consumo.
Na vida também é assim, enquanto deixarmos os pensamentos disfuncionais ganharem força, eles contaminarão todos os outros pensamentos. E sair deste ciclo se tornará mais difícil.
O que você faria no caso das laranjas que aparecem na imagem?
E na sua vida, o que tem feito?
Eliminar os pensamentos que trazem prejuízo para a sua vida (os pensamentos disfuncionais) não faz da gente meros entusiastas da vida, sem critérios. Pelo contrário, faz com que a gente identifique o que não está fazendo bem para o nosso Viver e, assim, as coisas começam a entrar no eixo.
Para finalizar este texto, deixo um exercício que você pode iniciar o quanto antes.
Vá trocando seus “não consigo”, “não sei” e “não dá” por aindas. Explicarei.
Ao invés de dar corda ao seu pensamento quando ele te conduz a embarcar na ideia de que você não consegue realizar algo, pense assim 
“Eu ainda não consegui”.
Percebe a ideia de continuidade? 
Percebe o quanto um simples “ainda” te abre novas possibilidades?
Pense nisso.
Aguardo seu comentário nesta postagem. 
Abraços, 
Grazielle dos Santos Barbosa de Jesus
Psicóloga CRP 05/46825

Anúncios